icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Será que Já Sei Escrever?

Olá,

Já era para ter escrito sobre este tema há muito tempo, mas como tanta coisa na vida vou adiando.

Quero partilhar convosco uma excelente experiência que tive na escola Lisbon Digital School com o curso Web Copywritting.

Escrever para mim sempre foi muito complicado. A falta de concentração, a dislexia, os erros, a infância no Brasil, sempre me deixaram envergonhada, desde os tempos da escola.

Melhorou tudo quando comecei com o blog, pois treinava tanto, que lá ia ganhando algum calo nos dedos. Mas sempre senti que os meus textos ficavam muito a quem das historias que tinha e tenho para contar.

Não é fácil passar da cabeça para o papel, fica sempre tanto por dizer: entre resumir, encontrar o titulo perfeito, os assentos, o tom, a mensagem, o português correcto…enfim. Quando acabo de escrever fico sempre na dúvida se dei o melhor de mim?

Tento ser genuína, sincera, autentica, em cada tema que passo para você, seja num texto do blog ou uma legenda de uma fotografia.

O curso ajudou-me e encontrar um caminho, um ritmo, uma forma de me encontrar entre o que quero partilhar e o que outros querem ler. Sintetizar e ser mais precisa sem deixar as minhas emoções de parte.

Deixo-vos aqui a recomendação de uma escola de confiança que tem como maior preocupação as necessidades dos profissionais e estudantes que necessitam ter mais conhecimento sobre o Mundo Digital.

Boas aulas 🙂

Beijinhos

Sofia

Quando te Arrependes de Usar uma Peça De Roupa

Não é a primeira vez e de certeza não ser a ultima que visto algo que me venho a arrepender. Felizmente já tenho ferramentas suficientes dentro de mim para saber lidar com a situação.

Nos Alive foi na semana passada e um dos meus looks fez imenso sucesso nas minhas redes sociais, mas ao vivo foi uma pressão enorme para mim. Foi inclusive, considerado pela MSN um dos melhores looks do Alive. Yeahhh que honra para mim :).

Quando fiz a escolha das peças nunca pensei vir a sentir-me desconfortável com elas, mas parece que ainda não entranhei na minha cabeça que já não peso 45 kilos e que os meus 54 a roupa ao vivo não fica tão gira como o reflexo que vejo no espelho do meu quarto.

Na realidade ninguém reclamou ou fez qualquer comentário depreciativo, mas eu sentia-me demasiado exposta. Os calções pareciam ter encolhido de um dia para o outro e continuavam a encolher à medida que caminhava pelo recinto. Duvido que algum dos cavalheiros deitados na relva tenha desgostado da vista :).

Mas sabem, o importante nessas e noutras situações mais desconfortáveis é manter a cabeça erguida, a confiança e andar como se nada fosse. Ninguém diria que me estava a sentir mal ou a sonhar por umas calças. mantive a postura até ao fim. Esse é o recado que vos quero dar.

A maior parte das mulheres, quando não gosta do que leva vestido, ou porque é curto demais, ou longo, ou largo ou apertado ou porque simplesmente ela tem a auto-estima tão em baixo que não gosta de se ver com nada, esconde-se e fica tão desconfortável ao ponto dos outros notarem. Se vocês mantiverem a postura e a confiança vão mais depressa passar despercebidas do que ao contrário.

Fica a dica para o fim-de-semana

Beijinhos

Sofia

Dona de Casa Desesperada procura Ajuda no Aspirador AEG

Uma mulher activa, dinâmica, muito ocupada, com uma casa cheia de animais, cães e gatos tem que ser uma mulher prevenida e que consiga facilmente manter a casa limpa sem perder muitas horas do dia a aspirar.

No último ano adquiri uma rotina muito equilibrada, por isso, aspirar antes de sair de casa, passou a ser mecânico.

Mas o melhor de tudo é que o aspirador Animal CX7 da AEG é o meu cúmplice, o meu amigo, o meu companheiro ideal para essa manutenção diária. Sinto-me uma Dona de Casa desesperada, mas aspirada e sem pêlos.

Muito fácil de montar, com uma flexibilidade enorme, aderência nas curvas e um controle no seu trabalho e em tudo o que apanha do chão ou de cima do sofá.

Se em vez de aspirarem de manhã o fizerem de noite, não se preocupem porque o menino tem uma luz muito intensa e ajuda a quem precisa ver o chão ao pormenor.

Podem usar o aspirador completo, ou retirar o mini-aspirador de mão, colocar o acessório PET e aspirar de forma mais intensa e eficaz o sofá, os cortinados, etc.

Muito leve, fácil de limpar pois não contem saco. Rápido de carregar e a bateria dura 45 min a trabalhar.

Ele é tão bom que os pais já compraram um igual ao meu.

Se esperarem um pouco, pode ser que saia no passatempo que vou organizar.

Beijinhos grandes

Sofia

 

Beijinhos e até breve

Sofia

 

Prepararmo-nos para Amar

Chegar aos 44 anos sozinha não é fácil, principalmente quando se está quase a celebrar 8 anos sem um namorado, mais 4 sem nenhum amigo colorido.

Houve um ponto da minha vida, que tudo o que atraia era literalmente o mau de todas as relações que tinha tido no passado. E isso assustava-me muito. É impensável voltar a namorar com alguém ciumento, manipulador, bipolar, infiel, mentiroso, violento, etc. Estas são as características que definem melhor os meus ex namorados. Claro que eram amorosos, e fofinhos (às vezes ), que me deram coisas boas e que aprendi imenso com eles, mas as marcas dolorosas que me deixaram apagaram muitas das coisas boas que passámos.

Quando há 4 anos decidi limpar as coisas tóxicas da minha vida, inclui os homens. Precisava entender porque raio eu atraia determinado tipo de pessoas quando eu até sou uma mulher interessante, honesta, feminina, com tudo no sitio, bem educada, etc.

INSEGURANÇA, CARÊNCIA, FALTA DE AUTO-ESTIMA, FALTA DE RESPEITO POR MIM, MEDO

Estas eram as características que mais me definiam.

Eu não escolhia as pessoas eu deixava que elas me escolhessem a mim.

Acreditava que merecia menos e sabia lá o que era amor, ou carinho, ou afecto ou respeito, por isso qualquer coisa estava bem para mim. Olhava para trás e as referências da minha historia eram tudo menos isso. Aprendemos na vida a ser demasiado humildes e a ter vergonha de pedir coisas enormes para nós. É feio querer ser feliz, mais feio ainda fazer por isso. Mentira!!!! Pura mentira.

Uma das palavras que entranhei no meu corpo há uns meses atrás foi a ABUNDÂNCIA! Ainda vou pintar um quadro la em casa para nem nunca me esquecer dessa palavra. Eu quero e mereço Abundância na minha vida, em tudo o que decidir ter. Acabou a escassez por achar que sou menos que os outros, ou que não mereço viver uma historia de amor.

Não fiz mal a ninguém para que isso não venha a acontecer. Não acredito que os homens são todos iguais, nem que as mulheres são todas umas Santas. Tanta gente trocada nesta vida. Tanta gente que perde tempo com quem não deve, tanta gente a humilhar-se por amor, um amor que é pequeno e infeliz. Porquê pergunto-me eu?! Será que a dor de uma separação é tão dura como os dias, os meses e os anos que passam junto daquele que não nos ama, ou não nos respeita, ou que não nos dá o amor que queremos ou das angustias?

Eu aprendi que antes de tudo temos que aprender a estar connosco, temos que gostar da nossa companhia, conhecer os recantos do nosso corpo, a cor do nosso sangue, o sabor da nossa saliva, o peso das nossas palavras, o impacto da nossa alma, antes de abrir a porta do nosso coração. E ai sim quando o passado estiver arrumado, o presente bem definido e o futuro planeado, a pessoa que está no mesmo caminho vai se cruzar connosco, vai olhar para nós de forma diferente e vai ver o seu reflexo la dentro no coração. Os sorrisos vão ter o mesmo tempo, o bater do coração o mesmo ritmo, as mão vão se entrelaçar até formar um abraço.

Acredito mesmo que é possível encontrar a pessoa certa, no momento mais simples, quando ambos estiverem distraídos, sem grandes planos ou projectos.

Abraçar o destino é também conhecer a nossa missão na terra e no mundo e ajudar que tudo flua como tem que fluir sem grandes manipulações e jogos. É simplificar o impossível, é largar o “Nunca”, é crescer sem medo de cair, é levantar as vezes que forem preciso, aceitar os erros, criar desafios, nunca desistir ou deixar de acreditar e nunca largar a mão que veio para tornar tudo ainda mais bonito.

Beijinhos enormes e sejam muito felizes

Sofia