icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Viajar Sozinha é Ser Livre por Completo

Passei o fim-de-semana passado em Aveiro e fui sozinha para mais uma aventura. No fim-de-semana anterior tinha estado num retiro no Algarve e foi tão especial porque estava sozinha. Nos últimos anos foram raras as viagens que fiz acompanhada. Estou neste momento a planear pelo menos mais 4 viagens e a maior parte vou levar comigo apenas as minhas meninas.

Pensar que há 2 anos atrás para mim seria impossivel tirar férias sozinha e hoje dificil para mim é tirar férias sem estar sozinha. Pensava que estar sozinha numa viagem seria bater no fundo…hoje acho completamente o oposto

Como mudamos é um processo que faz parte da evolução. Nestes últimos 6 anos que estou “solteira” esperei por alguém que viesse comigo, que me preenchesse, que me acompanhasse, que me fizesse sonhar e viajar em diferentes aspectos da vida. Mas essa pessoas ainda não chegou e eu cansei-me de esperar. Porque quando se espera o tempo passa e o tempo não espera por nós.

Por isso decidi antes de tudo fazer uma viagem interior confrontando os meus medos. Porquê tens medo de estar sozinha?! Num Mundo cheio de gente sentes sozinha porque queres ou porque estás? E na realidade eu não estava nem estou sozinha. Eu tenho milhares de amigos, conhecidos, família, animais, seguidores, etc. Mas sociedade empurra-nos para uma sala em que estar solteiro é igual ao estar só e viver de solidão. E hoje com as redes sociais ninguém está bem sozinho

E se realmente olharmos à nossa volta temos sempre alguém com que partilhar, com quem falar, rir. Até pode ser um rosto que nunca vimos, mas será um rosto que passará pela nossa vida nem que seja por uns breves instantes.

Eu viajo sozinha de mente e coração aberto. Isso atrai pessoas, boas energias, momentos felizes. Acredito que nada acontece por acaso e que nos cruzamos com quem faz sentido num determinado momento. Sei que nas viagens que fiz sozinha já contribuiu para muitos sorrisos e momentos de boa disposição. Não perco o sorriso porque viajo sozinha, alias ele aumenta porque não tenho ninguém a controlar-me as horas a dizer o que tenho que fazer eu sou simplesmente LIVRE para fazer o que me apetecer e isso é a beleza de se estar sozinho

Não me sinto sozinha nas minhas viagens, aprendi a falar comigo, a partilhar internamente tudo o que vejo e o que sinto. Não deixo de comentar as cores dos campos, a ternura do céu, a envolvência do mar o silêncio da noite!

No sábado arranjei-me, estava gira e poderosa e fui jantar sozinha em Aveiro e fui assim porque mesmo só, gosto de passar por um espelho e ver o que sou e quem sou. Não me quero esconder, não me vou tratar pior, não vou deixar de me cuidar porque não tenho do outro lado um homem a olhar para mim, ou mesmo uma amiga

Hoje em dia tenho a certeza que as pessoas que sabem estar sozinhas são muito felizes porque não têm medo da solidão ou de qualquer outra imposição da sociedade. E valorizam muito mais o que as rodeia

Beijinhos e sejam felizes

Sofia

Este foi o meu look no Sábado para jantar