icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Minha casa com Alma

Não é nenhum programa novo prometo, mas apenas o inicio daquilo que ando a tentar fazer há muito tempo, organizar a minha zona de roupas.

Para quem tem atenção aos meus post no facebook sabe das minhas tentativas de arrumar a casa e o meu caos relacionado com a roupa.

Pois a coisa foi piorando principalmente na minha cabeça, porque estava a sentir-me claustrofóbica em casa e na minha vida. Não conseguia organizar-me e as inúmeras tentativas de arrumar a casa, foram em vão, começava e desistia a meio e ainda conseguia deixar tudo pior. Achei mesmo que o passo seguinte seria ir à Oprah falar sobre o meu problema de excesso de tralha em casa… queriam fazer filmagens minhas a nadar em coisas lol e a tentar convencer toda a gente que era muito feliz ali.

Bem para estas coisas quando não conseguimos chegar a uma conclusão o melhor que temos a fazer é procurar um profissional da área que nos ajude e encontrar o caminho…a luz. Assim fiz. Falei com a Filipa Monteiro – dos Interiores com Alma para ver se podia ter outra solução para a minha arrumação da roupa. Alias quando a procurei foi para mudar a minha casa de banho e estava tudo a correr muito bem, já tínhamos escolhido tudo…até ela entrar no meu quarto (com marquise) e dizer-me: “Sofia esquece a casa de banho, o teu problema está aqui!”.

No sábado acordei cedo e cheia de coragem, comecei a arrumar tudo e já estava mentalizar-me que tinha chegado o momento. Comecei a tirar medidas e pedi à Filipa para confirmar se estava tudo bem e se podíamos avançar. Ela deu-me o ok. No Domingo estava eufórica e se não conseguisse fazer o que me tinha destinado a fazer…não sei, acho que nem dormia. Sou assim, sempre fui, quando meto uma na cabeça tenho que começar e terminar seja que horas for, tenha o que tiver que fazer. Fui ao IKEA e comprei tudo (outra das minhas características é nunca levar o papel certo e ter que andar desesperada a depender da memoria e deste caso da paciência da Filipa lol). Estava tão desejosa de chegar a casa que empurrava o carrinho a correr, atirei 5 caixas pesadíssimas para dentro do carro e conduzi com muita vontade e no carro já me imaginava a montar, a decorar, :). Estava feliz e ainda nem tinha começado.

Cheguei a casa e mãos à obra. Tirar tudo da marquise para dentro do quarto. Mudar o charriot com os casacos para a outra extremidade da marquise, e começar a montar os armário (estantes). 1, 2, 3 e 4 e às 23h00 tinha tudo montado e já conseguia entender a diferença. Tudo branco, tudo amplo, com mais espaço para circular e com muito mais arrumação. Faltava uma coisa, mudar as portas de vidro duplo, outra sugestão da Filipa para aumentar o quarto. Mas para isso teria que esperar por ajuda…e aquela hora….será que não consigo sozinha?, não vou conseguir aguentar até amanhã, tenho que tirar hoje. 1º porta saiu…sucesso absoluto, custou por causa do peso absurdo, mas depois a arrastar foi so preciso jeito e equilíbrio. Mas quando fui tirar a 2ª porta, no momento em que tirei da calha pensei.. “OMG estou tramada esta não tem suporte da outra e a porta começa-me a cair (estava de costas para ela e felizmente de costas para o quarto, porque se tivesse ao contrário iria cair em cima dos vidros da marquise e partir tudo) pelas costas, numa tentativa de “conan” ainda tentei com o dedão equilibrar-me na nova estante…mas tarde demais e a porta cai no chão da minha casa que nem um meteorito (foi o que os meus vizinhos pensaram de certeza)…o vidro não partiu, nem queria acreditar e eu não tinha morrido. Fiquei 1 hora a tremer e nervosíssima e a confirmar que era uma anormal histérica que não conseguia esperar 1 dia para pedir ajuda.

Enfim felizmente terminou tudo bem e consegui e mesmo a morrer de fome, porque não comia desde as 16h, ainda passei a roupa para os destinos, decorei a zona, arrumei o meu quarto e ficou tudo perfeito e com mais luz e mais espaço e eu sou uma mulher feliz e resolvida e já sinto que posso respirar  no meio do meu luxo que é a minha roupa, os meus sapatos e os meus acessórios.

Aproveitei para colocar coisas de parte, umas para vender e outras para dar

Vejam o Antes e o Depois :), entendem porque estou feliz?

Por vezes mais vale gastar mais um bocadinho e procurar um profissional do que andar a remendar a nossa vida que no fundo não faz mais do que ocupar mais espaço, gastar mais dinheiro e desperdiçar tempo.

Beijinhos

Sofia

PS. Depois mostro como ficou o outro lado