icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Fui Feliz na Boa Vista

Destino – Cabo Verde ilha da Boa Vista. 4 horas de avião e muita vontade de aterrar e começar as merecidas férias!! Fazia 4 anos que não tirava férias. Ultimo destino foi NY 2010…por isso imaginem.

Chegar a Cabo Verde é um instante, como podem ver. Um destino lindo e rápido, em que a maior parte dos habitantes falam a nossa língua, aceitam Euros e de uma hospitalidade e simpatia inigualável. Gastronomia top verdadeira como os seus sorrisos e a música faz-nos viajar através das Mornas ou ficar com pernas de aço com o Funaná. São 2 horas a menos que Portugal, por isso jetleg nem vê-lo.

Nesta altura do ano confirmo que é um pouco ventoso, mas a partir de Junho até Novembro o vento cai, por isso, quem vai no Verão, cuidado com o sol que ele lá não brinca! As minhas costas que o digam, por causa das cerimonias não pedi ajuda para espalhar o creme e apanhei um escaldão….eu sei, eu sei…

Cabo Verde é especial e tem uma vista de cortar a respiração, de um lado temos um areal e um mar interminável e do outro temos montes e rochas cheias de histórias para contar.

Ali há tempo, há espaço, há felicidade. Como dizia o nosso diretor do Hotel “Aqui vive-se sem nada, mas os Cabo Verdianos não precisam de muito para serem felizes!”.

Cresceram com o turismo e isso faz parte da sua rotina. As crianças correm para as máquinas fotográficas e enchem-nos de sorrisos e gargalhadas. Os adultos perguntam “Italian ou Português?!”, facilmente metem conversa e se houver música, o normal é acabarmos todos a dançar. Os homens são conquistadores, meninas é preciso ter cuidado, têm uma cantada poderosa lol, as mulheres são lindas e muito elegantes, mas sabem proteger o que é delas, até porque em Cabo Verde há mais mulheres que homens…

Quanto à estadia. O resort “Iberostar – Club da Boa Vista” é lindo, muito bem localizado na praia de Chaves, a 10 minutos do aeroporto, mas nenhum avião passa por ali. A praia é enorme, com areia fina, fofa e branca, perfeita para se fazerem caminhadas de 10 km (ir e voltar) ou dar umas braças no mar, ou fazer surf, kite surf, ou apenas apanhar sol. Quem preferir pode ficar na enorme piscina com vista para o mar. Nada lhe faltará, desde água, refrescos sem e com álcool, snacks (recomendo as pizzas feitas pelo Omar *) e animação e jogos da incansável equipa de animadores e bailarinos que trabalham de manhã à noite. Havia zumba, bingo, dardos, e o típico funana na beira da piscina, ping-pong, pelo menos 5 lojas, bar 24 horas e internet até a meio da praia (só temos direito a alguns minutos de internet por dia).

O espaço é enorme e com pormenores amorosos nas casas, nos jardins, nos quartos. Sempre bem decorados com toalhas em formas de cisnes, flores e crocodilos.

Os quartos são enormes, com excelente arrumação de armários, cama muito confortável. casa de banho grande e com ótima luz. Todos os quartos têm varanda ou um mini jardim, depende agora das possibilidades de cada um.

O ginásio tem tudo e tive a sorte de treinar com a Vanessa Martins que me deixou muito entusiasmada para voltar a treinar, a comer melhor e a tratar de mim. O Spa fica no mesmo espaço e começa logo por nos envolver com os aromas dos óleos e confusões. Quem quiser pode ir para a piscina interior e dá uma escapadinha do resto.

Para quem quiser sair do hotel, tem todo o tipo de excursões, viagens, passeios, visitas e actividas, fun, há um mundo de possibilidades. Basta querer…e pagar claro e falar com alguns dos operadores turísticos no hall do hotel, ou contratar um taxi que dê a volta à ilha. Falem com o Beto e digam que vêm da minha parte.

Final do dia e noite nada mais giro o que bar Morabeza!! Muito muito giro e boa onda.

Beijinhos enormes e muito obrigada por me acompanharem nestas aventuras e serem tão queridas para mim

beijinhos Sofia

*Omar foi um dos trabalhadores a trabalhar na obra do Hotel. Muitos deles ficaram depois a trabalhar no Hotel, como empregados, cozinheiros, ajudantes, etc. O Omar ficou e tinha o sonho de fazer Pizzas e felizmente o concretizou porque eram das melhores que já comi nos últimos tempos.