icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Assim deixamos de ir ao Circo!!!

Eu odeio circo!! Até gostava em criança, mas cresci a odiar circo. Acho uma falsa riqueza que me

deprime. É como o palhaço feliz, que tem sempre os olhos tristes. Não me imagino a levar os meus filhos, ou qualquer criança ao circo e tenho sempre pena dos pais que o têm que o fazer.

Mas isso tudo é uma realidade com que vivo muito bem. Ninguém me obrigada e acho óptimo que outras pessoas gostem, são apenas gostos e quero que os circos tenham imenso sucesso.

O que continuo sem entender, é como continua a ser permitido por lei, em qualquer parte do mundo a utilização de animais amestrados nos espectáculos. Com tanta protecção e campanha continua a haver circos com animais selvagens e domésticos a viverem em condições medonhas e completamente fora do seu ambiente natural, a terem uma rotina de obrigação, mais tratos e exploração.

A mim não me impressiona que o domador coloque a cabeça dentro da boca do leão, impressiona-me é que o leão não lhe arranque a cabeça!!!

Felizmente, há pessoas com coração e bom senso que entenderam que os circos podem ser espectáculos de entretenimento, cujo malabarismo das pessoas é o suficiente para embelezar o sorriso das crianças e os olhares mais atentos.

Sem dúvida o circo de soleil veio a dar imensos exemplos nesse sentido e tem sido maravilhoso como têm espalhado essa magia pelo mundo.

Queremos os palhaços mais fashion e engraçados, a mulher de barba, o malabarista, os trapezistas e até o homem bala, mas não queremos mais animais!!! Usem peluches e fantoches!!!!

Fica aqui a boa noticia que no distrito de Évora os circos com animais já não poderão apresentar os seus espectáculos.

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.216116401803178.52295.170975529650599&type=3&uploaded=1

Isto é apenas a minha opinião e o próximo passo será o fim das Touradas com Touros…O resto até se pode manter que é bonito: os cavalos, as roupas, as arenas, a banda, as flores, o capote….mas sem o sacrifício do Touro

Beijinhos

Sofia