icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Anti-Social

Da minha vasta experiência em pessoas, relacionamentos, relações, perturbações, solidão, exclusão, tristezas, timidezes e afins, sei que as pessoas procuram dar-se muitas desculpas para não procurarem os seus sonhos, experimentarem sensações diferentes ou conhecerem pessoas novas.

Vejo isso em relação à dança. Quando menciono que danço, é um entusiasmo…”Quero Muito!!!”….”Adorava!”…”Onde Danças?”, etc, depois convido…e começa…”ah agora não dá”… “para a semana combinamos ou depois”…”não consigo, tenho 2 pés esquerdos”,  BLÁ….BLÁ….BLÁ, Desculpas!!!!!!

A dança, principalmente a de social é das melhores danças para se conhecer pessoas. No caso das mulheres aumenta a auto-estima. No caso de quem achou que na vida não consegui fazer mais que abanar os ombros e os olhos, também, porque existe o da realização pessoal. Liberta socialmente. Tenho visto pessoas muito complexadas, caladas, com timidezes absolutas que hoje em dia, graças à dança, estão muito mais descontraídas, soltas, sociais, divertidas, felizes, etc. Para além disso, ninguem quer que sejam bailarinos profissionais, internacionais, os melhores do mundo, apenas recomendo que se divirtam-se e que se dêm uma oportunidade para serem felizes, por isso sejam, novos, velhos, mulheres ou homens, com jeito ou sem jeito, vão!!!! experimentem!!!!!

A dança social tem outra vantagem é que nas aulas fazem-se rapidamente vários amigos e conhecidos. As pessoas dançam umas com as outras. Depois formam-se os grupos, as saídas à noite, a companhia e outros momentos. Ando na dança há 9 anos e vi sempre isso acontecer é fantástico. Em casos mais drásticos, até se chegam a casar :). Para quem quiser, podem continuar a sair à noite mesmo sozinhos como eu. Sei que vou encontrar alguém conhecido, vou dançar, vou divertir-me e ao menos saio de casa.

Outra dica para os anti-sociais que se isolam e vivem sozinhos e arranjarem um cão. Não só faz-vos a maior das companhias, recebe-vos diariamente com muito amor para dar e será o vosso melhor amigo (apesar de achar que isso não exclui a amizade humana….por muito que às vezes apeteça). Mas as idas à rua, os passeios que são obrigatórios fazem tão bem ao cão como ao dono.

Vejam o meu exemplo, graças à Blush, passei a sair muito mais novamente com os cães. A passear à beira rio, no jardim. Conheço a maior parte dos meus vizinhos com cães e sem cães e vivo na mesma casa há 12 anos lol. Mas faz tão bem. há sempre assunto. Saímos de casa e procuramos parques, jardins, outros cães que por norma trazem os donos.

Ficam aqui as minhas dicas para ajudar a algumas pessoas a ultrapassarem medos, barreiras sociais e até a serem mais felizes

Beijinhos

Sofia

PS- Escolas de dança, recomendo sempre a minha Jazzy que tem os melhores professores e alunos do mundo!!!

Quanto a cães recomendo que adoptem. Não há melhor sensação do mundo que ter um rafeiro que nos será fiel e agradecido para sempre