icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Eu e os Meus 43 Anos

Xii tantos anos, que para aqui vão. Cheguei aos 43 com a mentalidade de uma jovem inconsciente, o corpo de alguém muito estragado, o feitio de uma solteirona lol e a maturidade de uma mulher madura cheia de classe e que só grita quando é mesmo necessário (como quase sempre).

Mas estou feliz de estar aqui e ter chegado a um ponto em que finalmente me sinto em paz comigo. Ainda existem alguns ajustes a fazer no meu carácter, mas a cambalhota que dei era necessária e não podia estar mais orgulhosa.

A viagem começou quando há uns 2 anos e uns bons meses, desliguei o telefone a chorar por estar a falar com um idiota que não merecia nenhuma das minhas lágrimas. Tinha passado 7 meses a tentar ganhar o amor dele, o respeito e o carinho. A única coisa que consegui ter era uma espécie de desprezo fofinho (coisa que ninguém merece, a não ser os que se colocam a jeito…como eu).

Desliguei o telefone com imensa raiva e disse para mim “nunca mais ninguém me vai fazer mal” “Vou tirar tudo o que é tóxico da minha vida”. E isso incluía, tabaco, coca-cola em excesso, pessoas e homens…etc

Vi-me sem chão, sem saber o que fazer e para onde ir, mas muito convicta das minhas decisões. Esperava sei lá, que uma placa se atravessasse no meu caminho com as soluções de vida, ou com alguma dica que fosse, uma previsão do futuro, uma luz.

Lá ia me virando como uma barata tonta (ia para todo o lado mas não chegava a lado algum)

Sentada numa palestra, sem saber para o que ia, começou a falar um Monge Budista. As suas palavras entravam em mim como balas, furando todos os meus sentidos e mantendo-me mais acordada como nunca.

Amor Incondicional e universal,

Ama-te a ti para poderes amar o próximo.

Ilumina-te com conhecimento

Dá sem esperar nada

Confia no coração.

Era isto!!!! Era tão isto. Fui ao templo e adorei andar descalça, já me tinha esquecido o que era sentir a terra, não ter que me preocupar com quem era e com o que tinha que ser. Meditei pela primeira vez e adorei, mesmo sem ter fechado completamente os olhos e não tenha deixado de pensar nas milhares de perguntas que tinha a fazer sobre o Budismo entre outras coisas, eu estava ali numa missão: “Encontrar a Verdadeira Sofia”.

Mas calma que ainda estamos no inicio…a partir de aqui foi duro e tive momentos horríveis de dor e solidão. de comer como se não houvesse amanhã, de olhar para o meu corpo e não me reconhecer, de sorrir com os lábios e nunca com o olhar, de chorar muito, de querer um fim, de me odiar, de odiar os outros, de querer uma resposta e não ter “MAS AFINAL QUEM SOU EU?”

Mas também tive momentos bons em que me ia descobrindo aos pouquinhos e fui andando devagarinho e 1 ano depois estava a fazer a minha 1ª viagem sozinha e a amar todos os segundos e quis fazer a 2ª e a 3ª e neste momento não hesito em agarrar o carro, colocar os cães lá dentro e ir para onde for.

Decidi não estar disponível para toda a gente e cortei com imensas pessoas. Não sou serviço público e que me perdoem os mais sensíveis mas tenho mais que fazer. Adoro e respeito o carinho, mas há tanto mais no mundo a fazer do que passar a vida num chat com gajos que não sabem o que querem da vida ou que não têm mais nada para fazer.

O voluntariado entrou na minha vida e ficou “Amor Universal”: Ama os outros e não esperes um agradecimento.

Doi ver a realidade mas doí mais sentir que ninguém faz nada. A ajuda na AMIAMA tem-me feito melhor a mim do que a todos os cães que por lá passaram e estão. Porque é o meu abrigo também. Relembra-me todas as vezes em que fui abandonada, castigada por ser demasiado fiel, ajudada por pena e solta mesmo sem saber para o que ia, ansiosa, com medo mas cheia de vontade “é desta que é que é de vez”! Mas nunca foi e volto sempre a sentir-me só.

Estar lá ajuda-me a conhecer-me melhor, a entender os outros, a ser menos reactiva e mais compreensiva. Tenho aprendido valiosas lições com os animais, como eles estão preparados para perdoar quem lhes fez mal, ou dar uma nova oportunidade para serem amados e felizes.

A meio deste ano ainda sem saber o que fazer da minha vida e a colocar em causa tudo e principalmente as minhas capacidades, fiz um curso de Coach, para ser coach, mas pensei usar aquilo para mim e contra mim LOL. Fui a cobaia de todos e deixei dissecarem-me dos pés à cabeça, chorei que me fartei, mas foi bom, muito bom. Acabei uns meses depois limpa, revigorada e com uma palavra no destino: PERMITE-TE! a Amar, a Sonhar, a Realizar, a Alcançar, a Seres quem és e quem queres ser, a ser Feliz e a Gostar de ti!!!

Comecei a fazer consultas de coach e funcionava!! Eu ajudava os outros a encontrarem um caminho, a passarem a ter uma certeza “eu preciso gostar de mim e cuidar de mim””eu sou a prioridade na minha vida e só assim posso ajudar os outros”.

E estou agora aqui, com o cabelo pelos ombros, com os saltos mais baixos, com os meus defeitos e feitios mas com a certeza de que gosto de mim e quero gostar sempre. Estou mais contida em tudo e principalmente no que partilho. Deixei de usar a carta de blogger e passei a sentir-me novamente uma pessoa que adora partilhar e ensinar os outros. Continuo a sofrer e a ter dúvidas porque isso faz parte da condição do ser humano. Mas não sofro mais por antecipação, deixei de fazer filmes e adoro a sinceridade e não suporto que me façam perder tempo. Quando alguem afasta-se de mim deixo ir e não me arrendo de nada a não ser de algumas coisas do passado porque olho para trás e pergunto-me “Quem foi aquela pessoa? porquê tomou aquelas decisões e porque gostava tão pouco de si mesma?!”

Afinal de contas, não eram os outros que me faziam mal, era eu que me fazia mal em permitir que me magoassem. Não nasci para sofrer, nasci com uma missão de sorrir e fazer sorrir, de ajudar os outros pelos meus erros e de transformar vidas tristes em alegrias constantes.

Hoje é o meu primeiro dia com 43 anos e com orgulho digo “Gosto de Mim”

Beijinhos e muito obrigada pelas vossas mensagens carinho e por favor sejam mais felizes e mais humanos.

Sofia

Assédio sexual virou moda?

Ui há tanto a dizer sobre este assunto.

Como sabem, em Hollywood as acusações de assédio sexual explodiram e milhares de casos finalmente vieram a público. Alguns dos piores nomes já foram presos, outros tiveram que pedir desculpas publicamente e tenho a certeza que ainda mais casos virão.

Coisas destas não é novidade para ninguém. Sempre houve e sempre haverá aquele parasita que acha que para além de pagar um salário tem que ser recompensados fisicamente pelos seus funcionários.

Vou tentar ao máximo não generalizar este texto e não cair no cliché de que só os homens se aproveitam das mulheres, pois apesar de as estatísticas serem bem menores, também há casos de abusos de mulheres em cargos superiores.

Mas tudo começa com uma simpatia excessiva para deixar a vitima confortável e feliz, depois passa por um toque, uma piada mais ao lado e depois começam as ameaças: “se contas eu desminto”, “se contas eu mando-te embora”, “ninguém vai acreditar em ti”…enfim.

É claro que a possibilidade de virar costas, fazer queixa é o óbvio e mais sensato, mas não é assim tão fácil. Queixas? é a tua palavra contra a dessa pessoa (e vão acreditar em quem?!) e mesmo que acreditem em ti, o que é feito depois disso? a justiça, muito menos a portuguesa, está preparada para actuar. vai tudo para casa com um sermão e mais nada. Depois fica tudo à solta a fazer o mesmo senão pior.

Sim porque alguém que abusa dos seus poderes para se aproveitar de outra é uma pessoa bastante desequilibrada.

E quem são as vitimas? pessoas inseguras, vulneráveis, assustadas e necessitadas. Só essas têm medo, têm vergonha, acham que merecem o castigo ou não acham que têm voz para dizer NÃO!

Não quer dizer que alinhem, mas custa horrores lidar com uma situação dessas. Tens na imagem uma boa pessoa que te tratou muito bem e que decidiu cobrar algo “dar um docinho ao daddy!”e estás sozinho com este monstro e vais contar a quem? e como contas? e o desconforto que é?

A sociedade está preparada para apontar o dedo as mulheres que se vestem de forma sedutora “estavas a por-te a jeito” em vez de as proteger. Os homens acham que qualquer roupa mais atrevida é um sinal que ela está interessada, disponível e cheia de vontade e que merece o que ele quer. Coisa que só na mentalidade machista isso acontece.

Não guardem isso para vocês, não tenham medo. Reportem as situações, porque mais cedo ou mais tarde vêm-se a descobrir. Estúpida fui eu, todas as vezes que isso me aconteceu, achar que ninguém iria acreditar em mim e tive medo de expor os monstros que se acharam no direito de me ter, tocar, seduzir sem eu querer.

Se acham que alguém que comete assédio sexual é importante, grande, inteligente, feliz, superior a vocês que fique claro que ninguém confiante, seguro, feliz, normal, precisa de ameaçar outra pessoa para te-la fisicamente. Só as pessoas muito desequilibradas e infelizes o fazem. Imponham-se e lutem sempre contra essa pessoa, lutem pelos vossos direitos!!

Estes traumas podem afectar uma pessoa para sempre…#euqueodiga

Beijinhos e sejam felizes e mais humanos e respeitem os outros

Sofia

 

 

Novo Look e o lado Emocional da Coisa

Primeiro de tudo e antes de começar a minha analise sobre o corte de cabelo que fiz ontem. Quero agradecer do fundo do coração ao carinho dos vossos comentários e às inúmeras mensagens que recebi. Vocês são realmente incríveis.

É muito engraçado estar deste lado e observar como as pessoas encaram os diferentes pormenores da vida. O que para uns um corte de cabelo é algo fun, divertido, uma mudança super natural, para outros, como eu, precisam de muita coragem para o fazer.

Este corte está a ser adiado há mais de um ano. Eu não tinha duvidas que iria ficar bem, porque primeiro confio a 100% no Edilson Soares e em toda a sua equipa – Unique e depois porque eu até sou gira :D.

O medo era do dia em que acordasse e me arrependesse ou sentisse falta do meu cabelo comprido. Por muito que falem em extensões não tem comparação em ter o cabelo naturalmente comprido. Ainda não estou livre de isso acontecer, mas já tenho as ferramentas para mudar essa sensação.

Então eu decidi há uns meses que isto iria acontecer, para além de outras coisas que em breve irei mostrar.

A ideia no corte era sentir-me bem, mais leve, diferente sem que isso afectasse a minha confiança e auto-estima. Então eu tive que dar a cambalhota final. O cabelo não me controla a mim, mas sim eu ao cabelo. Tenho vindo a fortalecer nestes últimos meses, para me sentir mais poderosa, mais confiante de que forma for. E este é o processo e caminho.

No passado já fiz o corte de cabelo radical (cortar um cabelo que estava pelo fim das costas para rapaz). Estava no inicio da minha depressão e achei, como a maior parte das mulheres, que a mudança de visual iria mudar o que sentia e dar um rumo À minha vida. Big Mistake!!! Passou a ser a minha tortura nos meses que se passaram até voltar a crescer, coisa que demorou 2 anos.

Os cabelos, quando deixamos de gostar deles, transformam-se nos alfinetes que me picam e relembram a todos o momento a dor, a impotência, a insegurança, os medos, etc. Eu estava gira (porque me ficou muito bem) mas sentia-me a mulher mais sem sex appel do mundo. Foi ai que descobrir que não podemos colocar nestes actos a responsabilidade de mudar ou de nos curarmos.

É igual à necessidade de encontrar alguém nas nossas vidas para que sejamos felizes. Isso não é justo para essa pessoa. Temos que encontrar primeiro essa felicidade em nós e depois o resto é só acrescentar :).

Em relação aos vossos cortes, testem primeiro e aconselhem-se para terem certeza que vão gostar. Eu já andava a tirar imensas fotos a simular o cabelo curto para ver como me sentia.

o melhor de tudo é que mesmo curtinho ainda consigo fazer um rabo de cavalo e um coque.

Beijinhos grandes e sejam felizes e mais humanos

Sofia

 

 

 

 

Sessão de Fotos por Monsaraz

Vou deixar-vos uma dica que vale imensa a pena.

Nunca desejaram fazer uma sessão de fotos individual, em família ou com os vossos animais?

Eu adoro e sempre que posso não perco essa oportunidade de me fotografar.

Imaginem o cenário: Monsaraz, Castelo, As minhas meninas e de férias, que panorama maravilhoso para fazer uma sessão de fotos que vão ficar para sempre nas nossas recordações.

O fotógrafo Rúben Carrilho da Fotolis Évora consegui captar a nossa ligação, tranquilidade e alguns momentos fofinhos, assim como os meus looks e a magia de Monsaraz

Vejam as fotos porque valem por mais de 1000 palavras

Beijinhos, sejam felizes e mais humanos

Sofia

Faz hoje 2 Anos

Foi há 2 anos que sai do escritório para almoçar numa esplanada para poder fumar. Mal me sentei, tirei o cigarro do maço olhei para ele e disse para mim “não fumo mais!” Nem chegou a ser o último para contar história. Continua até hoje guardado no mesmo maço uma gaveta lá de casa. 

Acho que nunca tinha fumado tanto como naquela época em que deixei de fumar. O que me deitava a baixo e consumia-me acabou por ser o impulso para me libertar de um vicio estupido que tinha desde os 15 anos. 

Escolhi a vida saudável e mais do que isso apercebi-me que o tabaco ou qualquer vicio é uma muleta para as nossas inseguranças, uma companhia para as nossas fraquezas, uma dependência para as nossas tristezas.

Quis ser mais do que isso tudo! E apesar do desafio da viagem, da tortura dos quilos a mais, do vazios de algumas noites e de ainda me apetecer puxar de um cigarro quando estou a olhar para as estrelas aqui no meio do Alentejo, não trocaria esta decisão por nada!!! 

Sinto-me muito mais saudável de cabeça do que alguma vez fui porque não deixo que a dependência me manipule. Sou eu que mando aqui e em mim agora ❤️

Beijinhos e muita força para quem decidiu abandonar algum vicio 

Sejam felizes e mais humanos 

Sofia 

Ps. Falem com o Nuno Barbosa, tenho quase a certeza que foram as agulhas dele que me ajudaram 

Novidades Lá Cá Por Casa

Com uns pequenos toques, aqui e ali parece logo que a casa fica diferente.

Quem me acompanha sabe que ando sempre a mudar coisas, para não me cansar e porque há uma evolução natural em tudo, até porque as modas e os gostos também.

Desde que tenho a cama nova (há mais ou menos 1 anos e que acabei por mudar o quarto todo e pintar um mural na parede, etc) que andava ansiosa por encontrar as mesas de cabeceiras perfeitas. Tudo o que via era demasiado caro, 150€ ou mais por cada mesa…eram logo mais de 300 €. Queria umas mesas estilo art deco, douradas em metal e com tampo em vidro, para ficar algo leve.

Depois de muita busca e porque felizmente tenho uma grande amiga decoradora (a namorada do meu irmão:)) – Filipa Monteiro, que sabe que gosto de poupar, sugeriu-me um conjunto baratissimo do IKEA que custava 40€ em que ate ganhava uma mesa nova para a televisão, a versão maior e ainda vendia outra por 20€! Era só poupar

Foi assim que ficou, mas continuava a faltar o estilo art deco da coisa :).

Então comprei uma lata de graffitie e nesta ultima semana pintei as 2 mesas, por mais ou menos 6€ (usei 2 latas, cada uma a 3 €) e ganhei o look desejado para o quarto. Agora só me falta mudar os candeeiros, para algo também em vidro ou então umas gaiolas iluminadas 🙂

e já agora também tinha uma gaiola na sala e aproeitei para pinta-la de dourado também. Mas cheira-me que sou capaz de a pintar de verde seco

Façam o mesmo na vossa casa, vão ver que vão mudar e vai ficar girissimo.

Beijinhos e sejam felizes e mais humanos

Sofia

Quem são os meus Top 5 influenciadores 

Para muitos sou uma influenciadora de boa disposição, força, determinação e para mim isso é das melhores sensações da vida. Mas conheça agora quem me influencia a mim nas redes sociais: 

Gabriela Pugliesi – boa onda, boas vibrações, excelentes dicas ligada ao lado emocional, desporto, alimentação e valores. Uma miúda que decidiu um dia mudar o seu corpo normal para um corpo e mente perfeita. Uma apaixonada pela vida, por animais, natureza, desporto, moda, família e o seu lindo marido Erasmos que é sonho de qualquer mulher…pelo menos o meu 🙂 .

Anitta – quem havia de dizer que a Anitta fosse animar tanto os meus dias. Que boa disposição, principalmente quando está com amigo e excelente Maquilhador Renier…até me faz lembrar um bocadinho eu quando estou com o meu cabeleireiro Edilson Soares. Uma miúda que é uma lutadora, trabalhadora e que o seu sucesso está a ser mais do que merecido!

Isabelinha – a nossa portuguesa que é cara de alguns programas da TVI como a Casa dos Segredos, Love on top (programas que não vejo porque não fazem nada o meu género) é uma força da natureza e com uma boa disposição constante e contagiante. Nunca se queixa e passa uma mensagem de alegria, Felicidade em tudo o que faz! Para além disso o desporto e a boa alimentação fazem parte da sua rotina assim como o carinho que tem pelo seu cão o caju.

Invertisa – só faz uma semana que sigo esta miúda e já estou a adorar! Muito gira, boa onda e completamente ligada ao mundo esotérico dos astros, das luas, dos signos, etc. Acaba sempre por dar uma explicação ao que sentimos e ajuda a organizar a nossa cabeça e quem sabe o nosso futuro e sonhos. 

Instagram – a própria conta do instagram é o máximo de seguir, pois todos os dias sugere e promove uma pessoa que é diferente pelo que faz. Graças a esta conta já comecei a seguir pessoas incríveis em diferentes áreas e por diferentes motivos. 

Os instastories destas pessoas fazem o meu dia e enriquecem-me como pessoas e são-me força para ser uma melhor pessoa, mais rica em conhecimento, mais bonita por dentro e mais forte e para nenhum deles a palavra desistir está no vocabulário ou no seu dia-a-dia. 

Beijinhos meus queridos e sejam muito felizes 

Sofia

Look instamax Day

Adoro Lisboa e nunca digo que não para conhecê-lá melhor. Por isso o convite foi irrecusável. Conhecer melhor a nova instamax mini 9 da Fuji.

5 cores perfeitas para o Verão: Rosa, lilás, azul bebé, verde e cinza clarinho. Depois é enquadrar disparar e esperar uns segundos que ela saia e seque! Desta vez vem junto uma lente para Fotos macro e selfies!!

Para perder-me por Lisboa escolhi este lindo jumpsuit da loja em Oeiras (alto da Barra) Be Faith Fashion Store. Diferente,  original super sexy.

Beijinhos e sejam felizes

Sofia

Piquenique Biológico foi um sucesso

Meus queridos o piquenique Biológico foi um sucesso.

Adorei todos os momentos e principalmente de cozinhar para 20 pessoas. Foi o máximo e acabei por me surpreender, pois nunca tinha cozinhado para tanta gente e o método foi impecável ao ponto de ter a cozinha sempre super organizada e o tempo estimado dar sempre certo.

Estar em Monsanto é um luxo para mim e um local que vou frequentemente passear os meus cães e carregar baterias. Ter a presença de tanto seguidoras e seguidores queridos foi assim a cereja no topo do bolo.

Fiz a loucura de levar os cães, porque elas merecem e cada vez mais quero que façam parte da minha vida e do meu dia a dia. Valeu a pena porque se portaram muito bem e toda a gente adorou que estivessem lá

O resto foi super divertido, todos adoraram as actividades, aproveitaram ao máximo a aula de yoga, as taças tibetanas e o que preparei para todos. o Convivio a ligação com a natureza e entenderam que os produtos biológicos têm realmente muito melhor sabor e qualidade

Agradecimentos:

Quero agradecer à Oitenta8 que me ajudou na logística de todo o piquenique.

Quinta da Pedra Branca que forneceu os vegetais biológicos, ovos biológicos e a fruta biológica e que fez com que tudo soubesse tão bem. Para alem disso sorteamos um cabaz. Podem encomendar os vossos no site – Quinta da Pedra Branca

À Montiqueijo que nos deu os queijos frescos e os requeijões tão bons e o meu favorito com Alecrim.

À Vatel que disponibilizou saleiros para temperar as saladas e os queijos a gosto de cada um

Às Semenetes d’Amor que nos proporcionou um momento tão relaxante com o concerto das taças tibetanas

À Luisa Sargento pela fantástica aula de Ioga

Deixo-vos agora as receitas que fiz da Quinta da Pedra Branca e que foram a loucura e são super simples de fazer

Tarte de Limão e Morango – Clicar aqui

Sopa Fria de Couve Halbhoher, Couve Flor (usei Broculos) e Coentros . Clicar aqui

A minha massa de alho francês à Brás darei em breve

Beijinhos a todos e em breve terei novidades

Sofia