icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

O Homem Borboto – By Nuno Markl

O Nuno Markl tem muita graça a escrever, como pessoa é aquilo que se vê na televisão, o que sou ouve na rádio e o que se lê no facebook. Tive o privilégio de o conhecer e à sua fantástica mulher, Ana Galvão, que muito admiro.

Acompanho o sucesso da página do Nuno (e da Ana na 3 também) e todos os dias rio-me um bocadinho com a sua imaginação e até chego a ter um bocadinho de inveja, por não conseguir fazer da minha uma obra de arte diária.

Hoje fomos brindados com um super herói que me fez recuar anos da minha vida de uma luta gigante contra os horrorosos, incómodos e foleiros, Borbotos nas camisolas. Vá digam-me quem não sofreu do mesmo?

Comprar uma camisola de lá era uma roleta russa. Será que vai criar borbotos, na primeira vez que usar? Na 1ª lavagem?!

Quando aquilo começava a nascer pareciam cogumelos, era em todos os lados, se olhássemos com atenção para a camisola até as víamos a Bop Bop Bop e em segundos estava descontrolado e de longe já parecíamos um borboto gigante e único. Havia zonas, como por baixo dos braços que eles chegam a ser tão grandes que ficavam pendurados com verrugas, nojento!!! blac

Eram tempos difíceis em que passávamos as aulas a arrancar para tentar disfarça, acumulando no canto da secretária o novelo de borbotos. Mas nada parecia travar o desenvolvimento da população, porque quando se arrancava 1 nasciam logo 2 ou 3. Ainda se inventaram as máquinas sugadoras de borbotos que eram deliciosas, cada “tzze” era uma vitória, havia os corajosos que usavam a lamina de barbear até ao dia em que se entusiasmavam e cortavam uma malha e os que inventaram que se colocassem a camisola dentro do congelador ela deixaria de ter esse vicio. Nunca o fiz, não sei se funciona e não estou a pensar experimentar lol.

Nos últimos anos não sei se têm reparado mas tem diminuído muito o número de borbotos na roupa, não consigo explicar porquê, mas acredito que esteja relacionado com o menor uso que lhes damos (porque temos mais roupa com que nos entreter) e pelas fibras e sintéticos todas juntos e que de lã deve apenas ser micro fio lol.

Beijinhos sem borbotos para todos vocês

Sofia

 

Poupar para depois Gastar

Pois é a vida não anda fácil e deve-se poupar, mas que também não é nada fácil. Mas deve-se poupar para se ter mais e para se gastar onde é importante.

Já vos falei do software que ajuda a fazer a analise sobre os gastos que temos diários, semanais e mensais. O Boonzi é muito simples porque basta instalar no nosso computador, fica ligado às nossas contas bancárias e todos os movimentos que fazemos são contabilizados lá para mais fácil fazer uma avaliação sobre os gastos que fazemos em alimentação, compras, tabaco, gasolina, etc.

Para ajudar a vossa percepção vejam o videm em baixo de uma reportagem da SIC:

http://sicnoticias.sapo.pt/programas/contaspoupanca/2013/10/09/conheca-os-programas-informaticos-que-o-podem-ajudar-a-poupar1

A boa novidade é que os seguidores do diário de um batom têm desconto de 25% se usarem o seguinte cógido:

diariodeumbatom25 (válido até 31 Dezembro)

Aqui vai o link para o Boonzi já com o Código de Descontos
http://www.boonzi.pt/discount/diariodeumbatom25

Podem também aceder atráves do banner do lado direito do Blog do Diário de um Batom

Beijinhos e Poupem para gastar no que realmente é importante

 

Ou o Gato ou o Sofá

Era uma vez um gatinho lindo de morrer que foi capado tarde demais. O menino entretinha-se a fazer xixi nas plantas, na terra mas como era trapalhão acertava nos cortinados e no chão. Quando as plantas estavam quase a morrer porque a dona que também era teimosa não queria estragar a decoração da casa e achava que eventualmente o gatinha haveria de mudar. Lá morreram as plantas e deu uma nova oportunidade ao gatinho.

O gato foi crescendo e muito, principalmente depois de lhe terem tirado a sua virilidade. Foi ficando gordo, muito sensível e a miar fininho e todos os animais lá de casa começaram a abusar dele. O outro gato, o Mr. Magoo, de vez enquanto faz-lhe esperas, a Pipa viola-o frequentemente, a Maggie ladra atrás dele, enfim se não fosse a dona estar sempre a protege-lo o desgraçado já teria posto um processo e todos os animais e neste momento estariam todos presos por diferentes tipos de abuso.

Mas à medida que os dias passam o menino com nome de super Herói, Spyder man anda a ficar mais descontrolado e mais abusado. Faz xixi em qualquer lado, parecem alguns homens no bairro alto quando lhes apetece fazem na esquina, no poste, nos carros dos outros, nas portas das casas, na perna de alguém, etc. Das ultimas semanas, foi na roupa da dona por lavar, foi na roupa por passar, foi na roupa lavada e hoje de manhã foi no sofá, mesmo em frente dela como se um desafio se tratasse.

Como podem imaginar a manhã foi tudo menos calma. A dona entrou em loucura e até pensava dar o gato para alguém que tivesse muitaaaaaaaaaa paciência e um jardim. Mas primeiro ligou para o vet Dr. Joaquim para saber o que fazer e depois ligou para a sua querida amiga decoradora de Interiores com Alma para pedir novamente uma opinião sobre o sofá.

Depois de limpar e muito esfregar, a dona decidiu deixar de ser forreta e aproveitar a promoção dos 20% do IKEA que termina hoje e comprar um sofá novo, baratinho e que tem a facilidade de trocar de capas. A sua amiga Filipa sugeriu essa ideia e juntas decidiram colocar dentro do sofá resguardos para caso o menino Spyder volte a fazer a xixi  só a capa será afectada e não o miolo do sofá. A Filipa recomendou que com o desconto dos 20% comprar uma 2ª capa para ir alternando com as lavagens. Manter os tons neutros para dar maior elegância à sala e que depois de lavado não fica russo.

Hoje vamos ver se conseguimos ter um final feliz com esta historia e que o novo sofá, o gatinho e a dona (os outros animais claro) vivam juntos felizes para sempre

Acham que se vendesse o sofá por 50€ alguém o havia de querer? lol

Beijinhos

 

 

Solteirices

Mas alguém hoje em dia sabe sabe o que quer de uma relação? É dizer que quer isto e aquilo e depois não cumprir, não conta :).

Olho à minha volta e vejo tudo perdido. São os casamentos massacrados, os relacionamentos gastos, os solteiros desesperados sabem lá por quê e por quem.

Mesmo em mim que tanta ciência tenho sobre relações e sobre “affaires”, que depois dou por mim a bater a cabeça contra as paredes pelo que não tenho e acho que quero, ou as que tenho e que acho que estão erradas. Na realidade o ser humano anda descontente e as inseguranças do dia-a-dia também não ajudam. Somos mais exigentes, mas queremos que ninguém nos peça nada.

O importante a cima de tudo é, seja qual for a relação, manter o respeito, a nossa essência e ser-se sincero, para nós mesmos e para quem entra na aventura de um relacionamento. Os joguinhos não levam a NADAAAAAA!!!! Parem com isso já…sejam autênticos e digam o que querem à pessoa com quem estão, mesmo que venham a chocar algumas cabeças, mas antes saber o que se passa na vossa.

Para além disso ando tudo a sentir-se sozinho e deprimido. Mesmo os que estão acompanhados não se sentem preenchidos e acabam por procurar algum conforto em quem não devem, em vez de resolver o problema mais obvio que é a sua relação. Quanto aos solteiros….fujammm que andam todos loucos!!! Os homens viraram gajas e as mulheres viraram gajos e cabrões/ tarados. Juro, elas atacam e eles falam de amor lol., muito cómico.

Mas o típico destas disfunção é que na realidade ninguém sabe quem quer. Ninguém quer assumir grande coisa, não vá o do lado querer ou estar disponível…entendem o que quero dizer…”Não me beijes em publico assim continuo a ser visto como solteiro”….ok sem problema, mas isso faz de mim o quê…parva?!

No outro dia falava com mais um amigo que se queixava que se sentia sozinho. Disse-lhe, tens que arranjar o perfeito, alguém que queira estar contigo sem qualquer tipo de compromisso. Alguém que não assumas publicamente e assim mantêm ambos os estados de solteiros, mas que depois enrosquem-se no sofá, que partilhem momentos íntimos e deliciosos, algumas aventuras mais picantes, vejam uns bons filmes e series e que depois não precisem de estar todos os dias juntos, mas apenas aqueles que conseguirem. O difícil é encontrar alguém que alinhe neste esquema 🙂 e que ninguém se apaixone, porque quando o 2º acontece é natural que se queira manter a ideia inicial, mas os ciumes e a insegurança aumente em relação ao outro e fica uma grande confusão e depois a relação torna-se no “nem……nem sai de cima”. Uma relação insegura seja lá qual for nunca é boa :). É preciso saber ligar e desligar. Liga na hora em que estão juntos, desliga quando o outro vai-se embora, difícil mas não é impossível.

A pessoa certa há de chegar um dia até lá vivam os momentos divirtam-se sem magoa ninguém…ahhh e principalmente não mintam que não só é feio como desonesto.

Beijinhos

Sofia

 

 

 

 

Intercidades ou Alfa?

Após ter passado 1 ano a viajar de Alfa Lisboa Porto e Porto Lisboa.

Este fim-de-semana, decidi por facilidade de horários apanhar o Intercidades. Um dos outros motivos foi sem duvida, ser ligeiramente mais barato mais ou menos uns 10€ a menos que o Alfa, caso se viaje em “conforto”, na turística não vi a diferença.

No inicio quando entrei e nos 1º momentos estava contente com a escolha, ou melhor achei que era normal. Mas depois há medida que a viagem foi avançando comecei a pensar que haviam ligeiras diferenças e será que eram suficientes para poupar os 10 €?

No Alfa sem duvida os lugares são melhores e mais confortáveis, a viagem demora menos 30 min. Temos direito a um drink e uma revista/ jornal. No intercidades só temos direito a ir ao bar 🙂

Beijinhos e boa viagem

Sofia

 

Dia da Poupança com Boonzi

Quase posso dizer que é o meu dia. Adoro poupar e faço-o desde pequenina, quase ao ponto de sovina ser o meu nome do meio lol, felizmente Inês continua a ganhar.

Mas gosto de poupar, para gastar no que mereço e para ter quando preciso. Nunca se sabe o dia de amanhã e mesmo nunca me ter feito falta ou graças a Deus ter passado necessidade tenho a consciência que as coisas mudam e um dia podemos ter tudo e no outro não ter nada.

Poupo no dia a dia e no que posso. Corto com o que não me faz falta e que acho supérfluo. Não ligo a marcas e não vejo necessidade de comprar coisas caras e dou-me lindamente com a pechincha (desde que não tenho mau aspecto), com os saldérrimos, os descontos e principalmente com as ofertas e presentes :).

Adorava ser o Tio Patinhas para ter e gastar pouco…lol sou literalmente assim, mas sou feliz e isso é que importa.

Há 10 anos (lá está a época em que me desgracei), com a compra da casa e nas decorações fiquei sem dinheiro e fiquei verde….nunca tal me tinha acontecido, bati um bocadinho no fundo e fiquei aflita, então criei uma 2ª conta para colocar todo o dinheiro que me sobrava no mês. Tinha vários potes e mealheiros em que colocava as moedas de 1 e 2  € e assim aos poucos e quase sem dar por ela fui juntando e voltando a ficar confortável.

Mas agora tenho o que o mundo perfeito graças ao Boonzi. Uma aplicação que fica no nosso computador e que regista todas os movimentos que fazemos no banco e de diferentes contas. É perfeito porque podemos controlar quanto gastamos em roupa, almoços, saídas, jantares, etc e fazer uma gestão muito mais pessoal e controlada

Deixo-vos o site para que possam saber mais e fazer a inscrição. o vídeo em baixo, eu e o Rubim explicamos um bocadinho mais como funciona e se usarem o código do Diário de um Batom terem um desconto de 25% na compra do software basta colocarem o código diariodeumbatom25 (válido até 31 Dezembro)

http://www.youtube.com/watch?v=y3wXK8Xly3E

Beijinhos muito grandes e boas poupanças

Sofia

PS. Leiam o artigo que a Mónica escreveu http://monicasofiablog.blogspot.pt/2013/10/sabem-quanto-gastam-por-mes-sabem.HTML

http://www.boonzi.pt/blog/o-boonzi-passo-a-passo-guia-de-iniciacao/

 

Chic Halloween

Eu sei que não é uma tradição nossa, mas cada vez mais pessoas gostam de se divertir no Halloween. Falo por mim, arranjo sempre maneira de me mascarar nem que seja por um bocadinho.

Ontem estava a navegar pela net e encontrei umas dicas de como se mascarar de forma chique no Halloween. Algo muito fashion sem perder a graça da ocasião. Achei perfeito, tirei imensas ideias e agora até estou na duvida entre a noiva zombie, a bruxa ou a gata.

Apesar de me mascarar gosto sempre de ir gira, já me bastou num ano em que pintei a cara aos quadrados pretos e brancos e ninguém se meteu comigo e as minhas amigas fizeram imenso sucesso e acabeia noite sentada sozinha lol. Disse nunca mais, mesmo que pinte a cara toda de preto e branco tenho que estar e sentir-me o máximo!!! :).

A partir da vossa roupa de noite e com um acessório giro e diferente (a Claire’s é perfeita para isso ou em qualquer loja do chinês) fazem a personagem. A maquilhagem também é importante, vejam o exemplo em baixo. Com pouco faz-se muitos

Beijinhos e divirtam-se

Mas vamos ao que interessa e venham as fotos

Beijinhos de Bruxa Boa

Sofia

 

Minha casa com Alma

Não é nenhum programa novo prometo, mas apenas o inicio daquilo que ando a tentar fazer há muito tempo, organizar a minha zona de roupas.

Para quem tem atenção aos meus post no facebook sabe das minhas tentativas de arrumar a casa e o meu caos relacionado com a roupa.

Pois a coisa foi piorando principalmente na minha cabeça, porque estava a sentir-me claustrofóbica em casa e na minha vida. Não conseguia organizar-me e as inúmeras tentativas de arrumar a casa, foram em vão, começava e desistia a meio e ainda conseguia deixar tudo pior. Achei mesmo que o passo seguinte seria ir à Oprah falar sobre o meu problema de excesso de tralha em casa… queriam fazer filmagens minhas a nadar em coisas lol e a tentar convencer toda a gente que era muito feliz ali.

Bem para estas coisas quando não conseguimos chegar a uma conclusão o melhor que temos a fazer é procurar um profissional da área que nos ajude e encontrar o caminho…a luz. Assim fiz. Falei com a Filipa Monteiro – dos Interiores com Alma para ver se podia ter outra solução para a minha arrumação da roupa. Alias quando a procurei foi para mudar a minha casa de banho e estava tudo a correr muito bem, já tínhamos escolhido tudo…até ela entrar no meu quarto (com marquise) e dizer-me: “Sofia esquece a casa de banho, o teu problema está aqui!”.

No sábado acordei cedo e cheia de coragem, comecei a arrumar tudo e já estava mentalizar-me que tinha chegado o momento. Comecei a tirar medidas e pedi à Filipa para confirmar se estava tudo bem e se podíamos avançar. Ela deu-me o ok. No Domingo estava eufórica e se não conseguisse fazer o que me tinha destinado a fazer…não sei, acho que nem dormia. Sou assim, sempre fui, quando meto uma na cabeça tenho que começar e terminar seja que horas for, tenha o que tiver que fazer. Fui ao IKEA e comprei tudo (outra das minhas características é nunca levar o papel certo e ter que andar desesperada a depender da memoria e deste caso da paciência da Filipa lol). Estava tão desejosa de chegar a casa que empurrava o carrinho a correr, atirei 5 caixas pesadíssimas para dentro do carro e conduzi com muita vontade e no carro já me imaginava a montar, a decorar, :). Estava feliz e ainda nem tinha começado.

Cheguei a casa e mãos à obra. Tirar tudo da marquise para dentro do quarto. Mudar o charriot com os casacos para a outra extremidade da marquise, e começar a montar os armário (estantes). 1, 2, 3 e 4 e às 23h00 tinha tudo montado e já conseguia entender a diferença. Tudo branco, tudo amplo, com mais espaço para circular e com muito mais arrumação. Faltava uma coisa, mudar as portas de vidro duplo, outra sugestão da Filipa para aumentar o quarto. Mas para isso teria que esperar por ajuda…e aquela hora….será que não consigo sozinha?, não vou conseguir aguentar até amanhã, tenho que tirar hoje. 1º porta saiu…sucesso absoluto, custou por causa do peso absurdo, mas depois a arrastar foi so preciso jeito e equilíbrio. Mas quando fui tirar a 2ª porta, no momento em que tirei da calha pensei.. “OMG estou tramada esta não tem suporte da outra e a porta começa-me a cair (estava de costas para ela e felizmente de costas para o quarto, porque se tivesse ao contrário iria cair em cima dos vidros da marquise e partir tudo) pelas costas, numa tentativa de “conan” ainda tentei com o dedão equilibrar-me na nova estante…mas tarde demais e a porta cai no chão da minha casa que nem um meteorito (foi o que os meus vizinhos pensaram de certeza)…o vidro não partiu, nem queria acreditar e eu não tinha morrido. Fiquei 1 hora a tremer e nervosíssima e a confirmar que era uma anormal histérica que não conseguia esperar 1 dia para pedir ajuda.

Enfim felizmente terminou tudo bem e consegui e mesmo a morrer de fome, porque não comia desde as 16h, ainda passei a roupa para os destinos, decorei a zona, arrumei o meu quarto e ficou tudo perfeito e com mais luz e mais espaço e eu sou uma mulher feliz e resolvida e já sinto que posso respirar  no meio do meu luxo que é a minha roupa, os meus sapatos e os meus acessórios.

Aproveitei para colocar coisas de parte, umas para vender e outras para dar

Vejam o Antes e o Depois :), entendem porque estou feliz?

Por vezes mais vale gastar mais um bocadinho e procurar um profissional do que andar a remendar a nossa vida que no fundo não faz mais do que ocupar mais espaço, gastar mais dinheiro e desperdiçar tempo.

Beijinhos

Sofia

PS. Depois mostro como ficou o outro lado

 

Um Domingo de Bloggers

Há uma ideia de que as bloggers dão-se mal e falam mal uma das outras, mas na realidade quando se respeita o trabalho das outras pessoas a amizade, o carinho é mais do que possível e hoje foi mais um dia em que ficou provado que juntas divertimo-nos imenso mesmo quando chove torrencialmente e o glamour acaba por ficar encharcado, assim como os cabelos e mesmo já quase sem batons ao final do dia os sorrisos mantiveram-se vivos.

Beijinhos Marta Miranda, Helena Coelho, Mia Relógio e Mariana Branco

Ahh e já agora que também só comemos coisas saudáveis e hoje ficou provado com o Happy Meal que só fomos pelas princesas lol…só mesmo por isso 😛

Navegando….

 

No outro dia tropecei no destino. Cruzei-me com um sorriso simpático e nuns olhos verdes sorridentes. Estávamos a Bombordo um do outro e do que seria um passeio interessante.

Trocamos algumas palavras e os nomes, mas cada um ficou com o seu, porque gosto de ser Sofia.

Os últimos 3 dias tenho aprendido muito com o Capitão, sobre mares, ventos e marinheiros. Já navegamos juntos nas histórias que lemos, nas experiências que tivemos e até nos desgostos que tivemos. Conversámos em linguas diferentes e concluímos que os sotaques são apenas pormenores e o que interessa é a intenção.

Os olhos verdes continuam a surpreender-me e a quererem saber mais sobre mim. Mas o tempo é tudo o temos e queremos que continue assim. Assim é a vida no mar, sem pressa de chegar nem de ver Terra à Vista. O tempo é eterno, o mar infinito, o sol companheiro e a Lua uma guia.

Continuar a ler