icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Quando Não se Deve Usar Batom Vermelho

Eu adoro pintar as “beiças de vermelho, ou rosa, ou laranja” e não me assustam as cores fortes, mas há situações em que não arrisco ou se o faço acabo sempre por me arrepender.

Vejam alguns momentos em que devem evitar pintar os lábios com cores fortes e percebam os motivos que podem trazer algum desconforto e atrapalhar outras situações.

Na 1ª vez, há uns 5 anos atrás, que usei publicamente batom vermelho, estava nervosa, insegura e desconfortável e penso que todas passámos pelo menos. Antes disso batom vermelho não era moda, era considerado vulgar e as mulheres conotadas até de ordinárias para baixo para não chamar de meretrizes.

Mas pronto a coisa mudou e passou a ser rotina, tendência, moda, como queiram chamar e eu decidi entrar na onda. Lembro-me perfeitamente sair de casa seguríssima com os lábios pintadissimos de um vermelho intenso e quente da MAC.

Sentei-me no carro a caminho do Alegro cheia de força de vontade para encarar o mundo com os meus novos lábios.

Estacionei e quando tirei o cinto, não sei o que raio fiz, pois nunca me tinha acontecido antes, nem voltou a acontecer, o mesmo bateu-me na cara….mais precisamente na boca e arrastou o lindo batom vermelho num perfeito risco vermelho pela minha cara. Parecia ter sido marcada pelo Zorro.

Como sabem tirar batom vermelho não é propriamente fácil e quando se esfrega a cara fica vermelha….e é do Batom ou da esfrega?  Depois de muito tempo a suar dentro do carro a tentar entender se já tinha saído tudo e se estava linda e perfeita, subi no centro e foi o pânico. As pessoas olhavam para mim directamente para a minha cara e em todas as montras, espelhos, chamadas de telefone eu olhava-me para ver se estava tudo bem. sentia-me muito desconfortável, paranóica e foi ai que entendi que facilmente de bonitas podemos parecer umas palhaças sem ninguém dizer nada.

Evitar usar Batons Fortes e Coloridos:

  • Se vais jantar a casa de alguém e os guardanapos são de pano. É para esquecer e dificilmente vão conseguir tirar a marca, mais vales seres amiguinha e ires à casa de banho tirar tudo pois os coitados vão ter que os deitar fora.
  • Se queres ser beijadas por um rapaz, dificilmente ele vai passar essa “barreira” e avançar para um beijo em que ele pode acabar tão “maquilhado” como tu.
  • Quando vais fazer uma apresentação ou ter uma reunião importante. Corres o risco do batom secar nos cantos e ficar aquele acumulado ou então ir borrando e como não podes estar a olhar-te no espelho vais ficando insegura e passas a ter um único foco….”a tua cara!”
  • Xiii os dentes que horror quando alguém te diz “tens batom nos dentes” e ficas a pensar “mas desde quando?!” “Quem viu e não me avisou?!”. Se tiveres essa tendência coloca o dedo indicador na boca e chupa-o, pois retirar o excesso dos dentro dos lábios. Faz isso quando tiveres sozinha é altamente provocador… a não ser que queiras fazer um 2 em 1 ;).
  • Se fores jantar fora, ou almoçar, dificilmente terás um batom que não saia durante a refeição e fica do pior….manchado, borrado, aos bocados, gorduroso, com falhas e não vais estar de 5 em 5 segundo a retocá-lo ou a ver se estás bem. Mais vale comer sem ele.
  • Há meninas que têm tendência, um mistério da natureza, a ficar manchada de batom à volta da boca…ele naturalmente começa a espalhar-se, recomendo colocar um risco à volta da boca, da mesma cor do batom ou a colocar corrector até vão ficar com a boca mais carnuda.
  • Quem já tem tendência a ter os dentes amarelados, o batom vermelho piora, mais vale primeiro tratares desse assunto ou vai ficar assustador.

Estas para mim são as situações mais complicadas, mas se entretanto lembrar-me de mais, faço um novo post. Podes sempre partilhar comigo as tuas experiências ou más experiências

Beijinhos e Bom Ano

Sofia