icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Motivar em Cadeia

Hoje um amigo contava-me as novidades na praia e recordava-me as longas conversas que tivemos há uns 3 anos atrás quando nos conhecemos.

Falava-me do seu sucesso actual e comparava ao tempo em que andava perdido, num presente incerto e muito insonso.

Olhou-me nos olhos, com o sol de frente e o vento no rosto e disse: “eu não me esqueço do que me disseste na altura e o quanto isso me ajudou a seguir em frente e a lutar pelos meus sonhos. Tive pessoas que me ajudaram muito pelo caminho, mas tu fizeste-me começa-lo”.

Há 2 anos conheci um rapaz entusiasta cheio de sonhos, mas que eram apenas palavras e desejos. Perguntei-lhe que curso que tinha tirado, ao que ele respondeu, que nenhum, optou por trabalhar em vez de tirar um curso superior.

Ele tinha uma vida estável, mas queria mais, embora andasse perdido. O facto de não ter a formação certa limitava-o ou pelo menos inibia-o.

Durante uma tarde e um jantar falei-lhe na possibilidade de tirar uma Pós-graduação e ter as bases que precisava. Dei.-lhe os contactos necessários, embora achasse que fosse ficar tudo por ai. 1 semana depois enviava-me uma mensagem “acabei de me inscrever na Pós-Graduação, obrigada por tudo”. Fiquei tão feliz por ele e de certa forma por mim, porque conseguia mais uma vez que alguém iniciasse o seu caminho.

1 ano depois voltamo-nos a ver. Ao entrar no seu carro disse-me “Abri a minha empresa”!!!! 

Agora passados mais 1 ano a sua empresa tem um sucesso digno do seu trabalho, amor e paixão. Sou uma amiga orgulhosa e quem sabe até uma mentora.

Hoje dou por mim novamente a tentar influenciar uma outra pessoa a seguir o seu coração. Assim como tento todos os dias através do meu sorriso e das minhas vitórias, vocês a seguirem o vosso.

Um dia, espero que breve, quero transformar isto numa corrente, em que pessoas ajudam a inspirar as outras a percorrerem o seu caminho. Sei que isto pode parecer conversa da treta e  sermão barato, mas eu acredito muito na forma interior das pessoas e na força de quem acredita, principalmente quando se juntam.

A nossa sociedade em geral anda sem rumo, sem vento a bater na vela e precisa de uma nova maneira de pensar e enfrentar os dias, os seus trabalhos, as suas rotinas, amores, emoções.

Beijinhos e a todos e deixo-vos uma pergunta “Quem vos inspirou hoje?” ” e “a quem inspiraram!” eu tenho a minha resposta, mas adorava que encontrassem a vossa, mesmo que não seja hoje, seja amanhã!

Beijinhos

Sofia