icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

7 Rotinas que Podem Matar o Seu Animal

Olá meus queridos,

Hoje escrevo-vos sobre um tema muito importante e sensível que são os nossos animais e os riscos que correm nas nossas rotinas.

Infelizmente algumas das situações que irei partilhar como alerta, são muito comuns e normais que aconteçam por causa de distracções, porque não a vemos como perigosas até acontecerem.

Há dias que não são dias e infelizmente um cão, mesmo os mais treinados um dia pode fazer algo que coloque a sua vida em risco:

  1. Plantas em casa – Sabia que muitas plantas são venenosas para os nossos amigos principalmente para os Gatos?! Muito cuidado com elas, podem ser muito bonitas e alegrar a casa, mas podem ser mortais
  2. Medicamentos – Doi-lhe a cabeça e toma um ben-u-ron mas nem pense em dar o mesmo ao seu animal. Há medicamentos nossos que podem ser usados na medicina animal, mas outros que podem ser mortais, por isso falem sempre com o veterinário antes de medicarem o vosso cachorro ou gato.
  3. Elevadores. Até me arrepio só de pensar neles. A mim aconteceu-me 2 vezes com uma das minhas meninas felizmente ela era muito pesada e a coleira partiu-se antes de ela enforcar, mas cães pequenos é super comum, Os donos estão descansados, acha que o cão entrou e está seguro, tem a trela posta o cão decide sair, as portas fecham e pode ser o fim :(, O melhor mesmo é o cão andar sem trela no elevador ou então garantir sempre que ele não. Eu costumo baixar-me (porque tenho 4) e cair com as mãos nelas e garantir que não saem.
  4. Varandas – Tenho imenso medo delas e os cães e ainda mais medo delas e dos gatos. No outro dia passeava os meus cães e vi um gato debruçado numa varanda. Gritei até a dona vir a janela e disse “o seu gato está prestes a cair” “Ela não faz mal, ele não cai e se cair é baixinho”, ao que perguntei “e se ele cair e não morrer da queda, acha que ele vai dar a volta ao prédio e tocar na campainha para voltar a entrar em casa?”, ela ficou uns segundos em silencio e levou o gato da varanda. As pessoas não pensam nisso, uma vez um gato na rua, no mundo gigante, o que acham que ele vai fazer? Esconde-se, ou foge ou morre atropelado, ou é roubado. Eu sei que posso ser dramática, mas tudo isto pode acontecer e nunca mais voltar a ver o seu amiguinho. Eu nem os cães tenho deixado na varanda sobre a minha supervisão, basta uma distracção, um pássaro, um cheiro, uma curiosidade que saltam sem saber para onde vão. Muita atenção
  5. Cães no Carro – Para nem falar que a multa de um cão solto pode chegar aos 600€. Sabe que uma travagem transforma o seu cão numa bala que o pode magoar a si, como partir o vidro da frente e ser projectado a muitos metros? É super cute ter os cães soltos no carro, mas são uma ameaça enorme para si, para a sua condução e para eles. Se forem pequenos podem viajar dentro de uma transportadora, se forem maiores podem ir presos pelo cinto de segurança
  6. Cães soltos na rua e trelas extensivas – Eu nisto sou culpada porque adoro soltar os meus cães (menos a gloss) e deixa-los livres a passear em zonas que me parecem seguras. Infelizmente os parques próprios para cães não me dão segurança. São em zonas muito movimentadas e têm a sede demasiado baixa. Digo isso porque um dia levei a blush a um em Algés, a dinâmica dos carros assustou-a imenso e começou a saltar para ir embora (e tivemos que ir embora mesmo. Mas mesmo assim são melhores que nada. Embora tenha medo dos envenenamentos de pessoas horríveis que odeiam animais e escolhem as zonas mais frequentadas por eles para os matar.
  7. Frutinha e legumes pode ser bom, mas nem todas são indicadas para eles. Por isso se comerem uvas não partilhem com o vosso cão mesmo que ele peça muito. Não dêem ossos de frango que partem e podem rasgar alguma. Perguntem ao vosso veterinário quais as mais indicadas e as que não convém eles comerem

E pronto meus amigos é tudo, espero ter-vos ajudado e salvo os vossos melhorres amigos

Beijinhos e até breve

Sofia