icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

O Fim do Mundo no Fim de uma Relação

Hoje uma seguidora procurou-me em desespero total.

O namorado tinha lhe pedido um tempo e o Mundo dela desabou.

Vivia para ele. Afastou-se de todos os amigos e acredita que é o homem da sua vida, apesar de admitir que ele não a valorizava o suficiente. Mas mesmo assim, tem a certeza que a sua felicidade depende apenas, e exclusivamente, desta relação. Para finalizar diz que nunca mais encontrará amor e não se voltará a apaixonar de certeza absoluta.

Quero que leiam bem o que escrevi. façam uma avaliação da vossa vida amorosa e sentimental. Caso estejam na mesma situação leiam com muita atenção ao que vou escrever de seguida.

Relações como estas é mais do que comum acontecerem. As pessoas anulam-se a acham a isso de amor e amar, tornam-se dependetes desses namoros/ casamentos e quando terminam ficam sem chão. Afastam-se de toda a gente porque só têm olhos, ouvidos, boca, corpo, mente e tempo para aquele pessoa e depois ficam sozinhos e desesperados.

Nada disto é saudável e mesmo que a relação dure muitos anos, duvido muito que o casal seja feliz. A vida continua mesmo quando estamos apaixonados, haver espaço e ter tempos para estar com amigos, manter as vossas actividades extra-relacionamento são fundamentais para manter o equilíbrio.

E porquê voltam a repetir o mesmo erro em todas as relações em que se envolvem?

Porque muito provavelmente meteram na vossa cabeça que só serão felizes quando encontrarem o amor.

Quando encontram alguém (que pode nem ser amor), ficam cegos, deixam de ver, pensar e tornam-se dependentes completos a full time dessa relação. Um dia, um de vocês vai fartar-se, ficar sem ar, sentir-se claustrofóbico e vai embora. Quem fica….sente-se a morrer e entra em estado de obsecado.

A minha recomendação é quando terminar tudo de vez, nunca, mas nunca supliquem amor, andar a trás é rebaixarem-se e acreditem que sei muito bem o que isso é. Os homens por exemplo quando deixam de gostar, não suportam mulheres desesperadas e que se humilhem. Se os querem afastar de vez basta tornarem-se numas chatas choronas.

Quanto mais depressa ultrapassarem a dor, mais depressa voltam a ver a luz e a sentir a leveza da vida. Se andarem a arrastar essa depressão e drama, duvido que tenham olhos para ver e atrair outro romance para a vossa vida.

Garanto-vos que vos escrevo com esta segurança, porque cometi todos esses erros no passado. Quem ganhou com isso eu não sei, mas tenho a certeza que eu só perdi…tempo, lágrimas, auto-estima, amor próprio etc.

Hoje olho para trás e felizmente que nenhum destes relacionamentos se mantiveram. Nem me imagino com esses amores agora, nem fariam sentido no meu caminho.

Espero que vocês muito em breve cheguem a essa conclusão.

Quero apenas deixar um parenteais. Neste texto não está implícito que algumas das pessoas é má, ou faz mal. Isto é um modelo de relação que pode acontecer à pessoa mais pura do planeta. Infelizmente ela sofre muito por ser assim, acreditem.

Beijinhos enormes e por favor, não coloquem na mão de ninguém a responsabilidade de vos fazer feliz

Miss Tips (aka Sofia)