icon-arrowicon-facebookicon-googleplusicon-instagramicon-pinteresticon-playicon-searchicon-twittericon-youtube

Tens Medo de Quê?

Quando montava a cavalo no 4ª esquadrão da GNR ali na Ajuda. Havia um tenente que se colocava junto ao obstáculo (que estava bastante alto) e gritava uma frase que nunca mais esqueci. Cada vez que um aluno era obrigado, sozinho, a contornar o picadeiro a galope e a saltar, quer o cavalo quisesse ou não ele dizia: “Meus amigos quem tem cu tem medo!”.

Quer ele tivesse razão nos métodos de ensino ou não, coisa que hoje em dia seria perfeitamente proibido. mas a frase dele permanece comigo há mais de 30 anos.

Todos temos medo de alguma coisa seja de uma barata ou de tubarões, seja de morrer ou viver, ser feliz ou não fazer nada com a vida. Mas o que é certo é que esse medo por ser impeditivo de imensa coisa inclusive castrador.

Eu cresci com imensas fobias, algumas delas doentias, como o medo de morrer que me perseguiu até aos meus 30 e por causa disso não fiz milhares de coisas. O medo de tubarões que era tão grave que se me dissessem que estava um dentro da banheira eu sairia dela a correr e no entanto já nadei com milhares nas Maldivas e nas Sheicheles e continuo com medo mas com muito respeito. O medo de ser feliz ou de ter sucesso ou da coisa correr bem. Mas faz algum sentido, alguém ter medo disso? Não mas é tão comum como alguém gostar de gelados. O medo de viajar sozinha ou de estar sozinha até fazer a viagem da minha vida no ano passado pelos Açores e faria todos os meses se pudesse.

O que quero dizer com tudo isto é que vamos ter sempre medo de alguma coisa a qualquer momento da vida, mas não podemos deixar que esse medo nos controle a vida, os pensamentos, a nossa vontade e mesmo que ele nunca deixe de existir que se arranje uma forma de se viver com ele.

Conheço imensas pessoas que conseguiram ultrapassar o seu medo de dançar e hoje são super felizes frequentando aulas de dança, assim como os que têm medo de pessoas e da vida social e mesmo mais ou menos escondidos vão fazendo as coisas.

Façam um favor a vocês mesmos, encham-se de coragem e arrisquem, enfrente algum dos vossos medos e garanto que se irão sentir muito mais confiantes e felizes

Beijinhos e sejam felizes e mais humanos

Sofia